Por que contar com o apoio de uma consultoria de benefícios?

O objetivo de qualquer empresa é ter um processo mais eficiente, econômico e de muita qualidade, mas como alinhar essa ideia à política de benefícios?

Uma das melhores alternativas é contar com o trabalho de uma consultoria especializada no assunto. Esse tipo de ajuda pode trazer muitas melhorias ao plano da sua corporação, desde a redução de gastos até a escolha de benefícios que sejam mais adequados para o segmento da sua empresa.

São tantas vantagens que separamos algumas, listamos e explicamos a você.

Reduza a chance de dar errado

A maioria das empresas trabalha para deixar tudo bem planejado para reduzir o risco de fracasso. Se esse também é seu objetivo, a contratação de uma consultoria pode ampliar seus horizontes.

Ao receber o auxílio de profissionais, sua empresa vai obter dicas, entender as tendências do mercado, estudar sobre os serviços mais oferecidos por outras corporações e deixar todo o plano de benefício muito mais organizado.

Conte com a experiência de outros profissionais

Implementar um plano de benefícios em uma empresa não é uma tarefa fácil. É preciso entender sobre as regras, leis trabalhistas e muitos outros detalhes. Por isso, o apoio de uma consultoria pode não só facilitar o seu trabalho, mas também evitar erros graves.

Entenda que essa contratação não é um gasto

É preciso entender que a contratação de uma consultoria não é um gasto, mas sim um investimento. Tente colocar no papel todos os prejuízos que sua empresa teria se o seu plano inicial de benefícios desse errado. Com certeza, esse valor será centenas de vezes maior do que a contratação de terceiros para te ajudar.

Contrate uma empresa com nome no mercado

Escolha uma consultoria que já atua no mercado há algum tempo, que tenha experiência, tradição e conte com uma equipe altamente qualificada, especializada e com domínio técnico.

A melhor escolha é a Fidati, consultoria de seguros e benefícios. Nossa empresa pode te ajudar com os mais diversos serviços. Entre em contato com a gente e descubra mais sobre esse universo.

Sinistralidade do benefício saúde, é possível controlá-la?

Antes de responder a qualquer pergunta, é necessário entender melhor o que é sinistralidade e qual é o seu impacto sobre os benefícios, principalmente aqueles voltados à saúde. Basicamente, sinistralidade é a relação dos custos com a receita total de uma seguradora de saúde. Esse valor é calculado em percentual e pode medir não só a sinistralidade de uma pessoa, mas também de uma equipe inteira de funcionários.

Para ficar mais claro, vamos levantar um caso bem comum quando tratamos dos benefícios de saúde:

Por exemplo, se a sua corporação conta com 10 funcionários e cada um paga R$ 200,00 ao plano de saúde, a seguradora recebe R$ 2.000,00 de prêmio. Se 8 colaboradores utilizarem o plano naquele mês e resultarem em R$ 1.600,00 de gastos ao convênio, isso corresponderá a 80% do valor total.

Nesse exemplo, a sinistralidade ultrapassou o limite técnico de 70% em um mês. Essa apuração de prêmio x sinistro é mensal. Sendo assim, ao final de 12 meses, a seguradora fará a avaliação do resultado como um todo, a fim de verificar se a sinistralidade acumulada no período ultrapassa o limite técnico que impõe a necessidade de reajuste.

Além desse índice, há também o reajuste por inflação, que cada seguradora publica anualmente na ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar), que se chama reajuste VCMH (Variação dos Custos Médicos e Hospitalares). Nos últimos 3 anos, a média desse reajuste ficou na casa de 18%.

Diante dessas informações, as empresas precisam ficar atentas, já que o reajuste total aplicado pelo plano de saúde em cada renovação engloba os dois índices. Com o suporte de uma consultoria especializada em gestão de benefícios, fica mais fácil visualizar e analisar os reajustes.

Como controlar o valor para prevenir a sinistralidade?

Algumas dicas simples podem ajudar a sua empresa a controlar os casos de sinistralidade. A principal delas é estimular que seus funcionários tenham o hábito de prevenir possíveis problemas de saúde. Campanhas internas podem ser uma opção para evitar diabetes, hipertensão, acidentes de trabalho, problemas decorrentes do tabagismo e consumo excessivo de álcool, e também para promover orientação sobre doenças sazonais, como gripe e dengue.

Além disso também é adequado que a corporação negocie com o plano de saúde possíveis margens de sinistralidade. Outra dica é promover auditorias de verificação quando a porcentagem alcançar os 70%. Se após a apuração o convênio realmente estiver correto, tente uma negociação.

Quais problemas a sinistralidade pode causar para a empresa?

A sinistralidade pode causar uma série de problemas para a empresa. Se o plano de saúde começar a ter prejuízos com sua corporação, provavelmente ele irá aumentar o valor do convênio e, consequentemente, alguns funcionários irão cancelar o benefício.

Com a diminuição das vantagens, seus colaboradores podem ficar desestimulados e passar a oferecer um trabalho de menor qualidade. Para saber mais sobre o assunto e ter uma consultoria de seguros e benefícios, entre em contato com a Fidati.

Reduza riscos e prospere com o apoio de seguros corporativos

Você sabe a importância de um seguro corporativo? Esse tipo de serviço pode ser muito útil para empresas de pequeno, médio e grande porte. Mas antes de entender os benefícios desse serviço é fundamental saber como a seguradora realiza suas tarefas.

Basicamente, esse tipo de empresa trabalha em conjunto com os clientes, pois é a partir das necessidades do contratante que o corretor desenha e define quais soluções devem ser tomadas a fim de proteger a corporação.

É importante que a seguradora escute seus clientes constantemente, já que a partir das conversas surgem insights que podem ressaltar o perfil de cada empresa.

Quais os benefícios dos seguros corporativos?

A contratação de uma seguradora especializada em seguros corporativos pode trazer diversos benefícios à sua empresa. A primeira vantagem é a redução de possíveis prejuízos financeiros.

Se uma empresa é furtada, incendiada ou passa por um desastre natural, ela provavelmente perderá seus equipamentos fundamentais para o desenvolvimento do trabalho, além de passar por um grande transtorno emocional para os colaboradores. Por isso, ter um seguro é essencial para enfrentar esses problemas.

Mas as vantagens não param por aí. Após a contratação de uma empresa de seguros, a corporação tem muito mais chances de progredir no mercado, uma vez que deixa de correr o risco de ter que gastar seu dinheiro com a compra de novos equipamentos após um evento traumático.

É essa garantia que vai te possibilitar investir mais no seu nicho e oferecer um produto ou serviço ainda melhor para seus clientes. Além disso, você fica muito mais tranquilo ao deixar sua empresa durante um feriado ou aos finais de semana, já que o seguro evita preocupações desnecessárias para a equipe e para os diretores da empresa.

Como escolher a seguradora?

Escolha uma consultoria de seguros confiável, com tradição no mercado e que já atue há algum tempo na área, pois todos esses fatores podem trazer a garantia de um bom investimento. A Fidati atende a todos esses requisitos. Para entender mais sobre o assunto e conhecer os demais serviços da empresa, entre em contato com a gente e feche já o seu seguro corporativo.

Práticas e tendências do mercado de benefícios no Brasil

O mercado de trabalho no Brasil está em constante movimento, e tendências surgem todos os dias. O que há um ano estava em alta, hoje pode não estar mais em evidência. Tudo isso influencia os programas de benefícios e seguros.

Os últimos anos foram marcantes para o mercado, pois as empresas começaram a ofertar uma quantidade maior de vantagens para conquistar profissionais de alta qualidade e formar a melhor equipe. Algumas organizações, por exemplo, oferecem uma sala de descanso para tirar uma soneca logo após o almoço, outras investem em expedientes home office.

Veja quais são as principais práticas e tendências do mercado:

Home Office: o famoso trabalho em casa já é um dos benefícios mais procurados pelos funcionários. Algumas empresas criaram a possibilidade de fazer home office e trabalhar sem estar no ambiente corporativo. Por incrível que pareça, a prática se mostrou muito produtiva e eficiente para o empresário e para o trabalhador. Enquanto o funcionário trabalha de sua casa, a empresa economiza papel, luz, água, entre outros gastos.

Horário flexível: ainda é um assunto pouco tratado por corporações mais tradicionais, mas deixar o horário flexível é um benefício que pode chamar a atenção dos profissionais. Os colaboradores continuam trabalhando durante 8h por dia, mas podem fazer o seu próprio horário, ou seja, a entrada não tem horário fixo e pode ser feita de acordo com a escolha de cada pessoa.

Bonificações e premiações: muitas pessoas já ouviram falar de empresas que ofertam viagens no final do ano como prêmio pelos 12 meses de trabalho e metas alcançadas. Isso era algo distante da maioria das corporações do país, mas hoje em dia, muitas empresas já aderiram à ideia, seja com viagens ou outros tipos de prêmios.

Ambientes descontraídos: antes, essa prática era vista apenas em agências de publicidade, mas hoje isso mudou. Empresas dos mais diferentes ramos oferecem opções de lazer dentro da própria corporação, tornando o ambiente muito mais descontraído.

Dias temáticos: outra tendência do mercado é oferecer dias para sair da rotina, como o dia com a família, dia com o pet, dia do salão de beleza, dia do spa e outros temas que deixam o ambiente mais animado e diferente.

Que tal inovar dentro da sua empresa? Essa é uma oportunidade de iniciar uma nova trajetória de sucesso!

Perspectivas para o mercado de benefícios no Brasil

As empresas brasileiras já entenderam a necessidade de apostar em uma política de benefícios estruturada e organizada. Por esse motivo, o mercado está crescendo e oferecendo uma gama ainda maior de serviços em prol do trabalhador.

Essa procura por parte das corporações fez com que profissionais se especializassem em consultorias voltadas ao assunto. Além disso, muitos gestores já enxergam os benefícios como um investimento estratégico, incluindo em seu escopo a verificação dessas políticas, a fim de engajar o trabalhador.

As perspectivas para o mercado de benefícios no Brasil são positivas, com a possibilidade de crescimento na oferta de planos de seguro saúde, previdência privada e seguro de vida, que são benefícios extremamente valorizados pelos profissionais.

A nova realidade dos programas de benefícios

Pesquisa de satisfação: antes, as corporações só ofereciam os benefícios básicos ao trabalhador e não havia preocupação com o impacto daquelas vantagens na vida de cada profissional, mas isso mudou! Hoje em dia, além de oferecer uma política muito melhor, as empresas também analisam se os colaboradores estão satisfeitos com os benefícios ou se há a necessidade de adequar algum tipo de vantagem.

Competição entre as empresas: com o aumento dos benefícios, os profissionais começaram a usar esse critério no momento de ingressar em uma empresa e passaram a avaliar não apenas o salário, mas também as vantagens da corporação. Por esse motivo, as organizações iniciaram uma verdadeira competição, tentando oferecer a melhor política e conquistar os trabalhadores mais qualificados.

Benefícios mais específicos: cada corporação tem um perfil e, consequentemente, tem profissionais com idade, estilo de vida e interesses distintos. Por isso, as empresas ficaram mais seletivas no momento de escolher uma política de benefícios, oferecendo vantagens que realmente combinem com o seu público.

Ficou interessado em saber mais sobre o assunto? Entre em contato com a Fidati e conheça mais sobre esse mercado.

Conheça os principais benefícios concedidos aos trabalhadores no Brasil

Uma empresa formada por uma equipe qualificada e especializada em seu nicho pode ser um sonho para muitos empresários, mas conquistar esses profissionais requer um grande esforço. Trabalhadores que são referências no mercado recebem inúmeras propostas e, por esse motivo, são exigentes e buscam empresas que ofereçam uma boa estrutura e excelentes benefícios profissionais.

Para te ajudar a realizar o desejo de formar uma equipe preparada, apresentamos e explicamos quais são os principais benefícios concedidos aos profissionais do país. Isso pode te auxiliar no momento de conquistar novos trabalhadores para o seu time.

– Convênio médico: benefício que oferece ajuda ou faz o pagamento integral da mensalidade de um plano de saúde.

– Convênio odontológico: funciona de forma semelhante ao convênio médico, mas ao invés de oferecer consultas em hospitais e clínicas médicas, o odontológico é destinado somente ao atendimento com dentistas.

– Transporte fretado: o benefício que garante um transporte particular aos colaboradores, seja através de um ônibus, micro-ônibus ou van.

– Vale-alimentação: costuma ser um cartão pelo qual a empresa oferece todos os meses uma verba que pode ser usada na compra de alimentos em supermercados ou outros estabelecimentos comerciais.

– Vale-refeição: é semelhante ao vale alimentação, mas no vale-refeição o profissional só pode gastar a verba em restaurantes, lanchonetes ou padarias.

– Cesta básica: a cesta básica é um benefício bastante comum e, normalmente, é oferecido aos trabalhadores no final do mês.

– Parcerias com outras empresas: um outro benefício muito comum são as parcerias entre a empresa e prestadoras de serviços, como clubes, salões, escolas, restaurantes, entre outros.

– Telefone celular: esse benefício é oferecido em todo o país, principalmente por escritórios. Os colaboradores recebem um telefone para utilizar nas ligações profissionais.

– Carro: semelhante ao benefício do telefone celular, mas essa vantagem oferece ao trabalhador o direito de utilizar um carro que é propriedade da empresa.

– Presentes em datas comemorativas: um outro benefício que as empresas utilizam bastante é oferecer presentes em datas específicas, como ovos de chocolate na páscoa e cestas de natal.

São inúmeras as possibilidades de benefícios, e algumas delas já são bem comuns nas empresas brasileiras. Para saber mais sobre o assunto, entre em contato com a Fidati, sua consultoria de seguros e benefícios.

Como manter o pacote de benefícios da empresa no cenário de recessão econômica?

O pacote de benefícios de uma empresa pode ser visto de duas formas: como gasto ou investimento. A diferença entre essas duas visões está na postura, nos valores e nas definições estratégicas de uma empresa. A cultura organizacional é o que influencia a decisão da organização de cortar ou não os benefícios em momentos de crise!

O cenário brasileiro

Os últimos anos têm sido marcados por períodos turbulentos para o mercado brasileiro. Com a chegada da crise econômica, as corporações tiveram que adaptar seu orçamento, enxugar a verba e cortar os gastos, tudo isso para manter as empresas ativas e competitivas.

Por esse motivo, muitas organizações cortaram suas políticas de benefício. Mas será que essa ação é realmente necessária?

Para responder essa pergunta, listamos algumas opções para as empresas que estão passando por momentos de dificuldade e reafirmamos a importância do plano de benefícios para a produtividade das corporações. Confira!

Programas de benefícios ajudam a superar a crise

Adapte sua política de benefícios

Sim, o plano de benefícios utiliza a verba da empresa e cortar esse gasto pode ser a primeira solução que vem à cabeça do responsável pelo setor financeiro, mas essa pode ser uma escolha muito prejudicial para a organização. Por isso, antes de cancelar qualquer benefício, tente adaptar as vantagens. Por exemplo, se a empresa oferece convênio médico integral aos funcionários, busque uma opção mais barata ou tente renegociar o desconto.

Outro exemplo são as empresas que oferecem bolsa de estudo aos colaboradores. Não corte esse benefício! Converse com os trabalhadores e se ofereça para pagar uma porcentagem menor do curso.

Entenda os benefícios como um investimento

Não veja o plano de benefícios como um gasto supérfluo e que pode ser retirado a qualquer momento. Essas vantagens fazem a diferença para sua equipe e podem ajudar a engajar os trabalhadores e estimulá-los a desenvolverem um trabalho ainda melhor, mesmo em uma época difícil e instável. Deixe claro para seus colaboradores que os benefícios são importantes e que a empresa se dedica muito para mantê-los. Certamente, eles vão retribuir através da dedicação no ambiente de trabalho.

Procure ajuda

Claro que a ajuda de um profissional especializado ou de uma empresa que atua no mercado de benefícios e seguros é sempre uma excelente opção. Entre em contato com a Fidati e aprenda como manter os benefícios mesmo em época de crise.

Como escolher os benefícios que serão oferecidos aos funcionários?

Implementar um plano de benefícios em uma empresa pode levar tempo. É normal precisar da ajuda de uma consultoria especializada para não gerar dúvidas na equipe.

É extremamente importante organizar o trabalho e oferecer benefícios que realmente façam a diferença na vida do funcionário, evitando que o processo de implantação do programa tenha que ser refeito ou repensado em um ou dois anos.

Confira algumas dicas que preparamos para que você descubra quais são os benefícios importantes para o engajamento da sua equipe e saiba quais passos devem ser seguidos para garantir o sucesso do trabalho!

Passos para implantar um programa de benefícios na empresa

1º passo – Estudo de Campo

Uma das melhores formas de conhecer os colaboradores é através de um estudo de campo. Nesse tipo de pesquisa, os funcionários devem ser estudados por meio de diferentes perguntas que revelem seus interesses, hobbies, realidade fora da empresa e estrutura familiar. Todos esses fatores irão contribuir para que a equipe de recursos humanos feche o melhor pacote de benefícios.

2º passo – Estudo Jurídico

Depois de recolher os dados da pesquisa, é fundamental que os responsáveis pelo plano de benefícios estudem e procurem ajuda jurídica para entender melhor sobre as leis trabalhistas. Esse tipo de trabalho é importante para que não haja confusão na hora de identificar o que é direito do colaborador e o que é realmente um benefício oferecido pela empresa.

É nessa etapa que existe a necessidade da contratação de um profissional especializado. Para isso, procure a Fidati e receba uma consultoria qualificada.

3º passo – A escolha dos benefícios

A escolha dos benefícios que entrarão no plano da empresa merece uma atenção integral. Nesse momento, é imprescindível que toda a equipe de recursos humanos esteja alinhada com os gestores, líderes e demais profissionais da alta cúpula da corporação.

Uma dica é agendar uma reunião de alinhamento, na qual todas as pessoas estejam presentes, a fim de apresentar as pesquisas e estudos e sugerir benefícios que funcionariam na empresa.

4º passo – Formalização e anúncio dos benefícios

Tão importante quanto escolher os benefícios é divulgá-los aos colaboradores. Explique de forma clara como funcionará cada uma das vantagens. Também vale deixar tudo registrado de um jeito formal, seja por meio de um documento assinado pelos trabalhadores ou de um comunicado interno geral.

Para saber mais sobre o assunto, entre em contato com a Fidati, consultoria de seguros e benefícios.

Como fazer a gestão eficiente de um programa de benefícios

Uma empresa de sucesso é muito mais do que uma marca que vende um produto ou oferece um serviço. Ela é constituída por um ambiente harmônico, com clientes que acreditam no trabalho realizado e profissionais realmente estimulados.

Mas como trazer esse estímulo aos trabalhadores da sua empresa? Um programa de benefícios bem estruturado pode ser a melhor opção para atingir esse objetivo!

Iniciando um programa de benefícios

Os programas de benefícios servem para atrair e reter profissionais com experiência e diferenciais. Além disso, eles são importantes para tirar seus bons profissionais da mira da concorrência.

Para que o programa seja um investimento e não um gasto, é necessário planejar uma gestão eficiente. Por isso, a Fidati se especializou neste segmento e trabalha para oferecer às empresas uma consultoria capaz de beneficiar a organização e seus funcionários.

Dicas para uma gestão de benefícios empresariais

Defina quais benefícios serão oferecidos: antes de iniciar o programa de benefícios, estabeleça quais vantagens serão aplicadas. Um fator que pode te ajudar no momento de escolher esses benefícios é a análise das necessidades de seus funcionários, além da contratação de uma empresa especializada em consultoria. Nós, da Fidati, realizamos uma pesquisa completa e, através de dados consistentes, elaboramos um programa de benefícios interessante tanto para o empresário quanto para os funcionários.

Entenda as necessidades desses programas: entender a necessidade do programa é fundamental para o funcionamento dele. Uma gestão eficiente só começa a ser praticada quando todos os envolvidos demonstram interesse real pelo trabalho e se conscientizam de que os benefícios são muito importantes para aumentar a produtividade da companhia.

Deixe uma pessoa responsável pelo controle administrativo do programa: um programa desse porte merece atenção contínua, centralizada e eficiente. Por isso, o mais recomendado é deixar uma pessoa responsável pelo trabalho. Dependendo do tamanho da empresa e da quantidade de funcionários, pode até haver a necessidade de se manter um setor para trabalhar exclusivamente com a área de benefícios. A Fidati pode fazer este trabalho para sua empresa, deixando seus gestores livres para se dedicarem à sua atividade-fim.

Analise os resultados que o programa traz para a empresa: depois de um tempo de aplicação do trabalho, é importante que o responsável pelo programa analise os resultados que a ação trouxe para a empresa, seja a partir da valorização da marca ou do interesse profissional que isso gerou entre seus funcionários. Esta medida deve ser feita através de uma pesquisa, com coleta de dados. O uso de questionário é uma boa opção.

Contrate uma empresa especializada: tenha ao seu lado pessoas que já entendem do assunto, pois isso diminui drasticamente as chances de fracasso no trabalho. Entre em contato com a Fidati, empresa reconhecidamente especializada no segmento de benefícios corporativos.

A importância dos benefícios para o engajamento da equipe e a retenção de talentos

Oferecer um serviço ou produto de alta qualidade é sinônimo de uma equipe preparada, especializada e muito motivada. Mas antes de chegar a esse nível é preciso que haja um grande esforço por parte da corporação.

Antigamente, as empresas mantinham seus funcionários apenas com alguns tipos de benefícios, como assistência médica e odontológica, mas hoje os verdadeiros talentos buscam mais do que isso. Ao contratar profissionais bem formados e estratégicos para a organização, as empresas precisam oferecer vantagens atraentes, capazes de evitar a perda de um talento para a concorrência.

Essa tendência fica muito evidente em pesquisas especializadas sobre o mercado de trabalho brasileiro. Em diversos estudos nacionais, os benefícios corporativos aparecem como um dos pontos mais valorizados pelos profissionais, perdendo apenas para as boas condições e estrutura do ambiente de trabalho.

O processo para engajar e manter pessoas produtivas na empresa precisa ser constante e, mais uma vez, os benefícios são um dos pilares primordiais para reter e ampliar o capital humano.

Como manter seus talentos?

Uma forma de manter os talentos é trabalhar com um plano de benefícios que possibilite o crescimento do funcionário dentro da empresa e que priorize sua qualidade de vida fora dela. Além de ser benéfico ao colaborador, a estratégia também é saudável para a corporação, uma vez que ela continua com seu quadro de funcionários repleto de pessoas dedicadas.

Para incorporar esse plano em uma empresa, é preciso investigar entre os colaboradores os tipos de benefícios que eles gostariam de ter, lembrando sempre que essa preferência pode mudar bastante de acordo com o perfil dos funcionários.

Além disso, é importante reunir-se com o setor financeiro da empresa para verificar a verba que poderá ser destinada aos benefícios. Assim, a organização consegue adotar uma gestão de benefícios que não pese nas finanças.

Se a sua empresa precisa de ajuda para escolher um plano de benefícios, entre em contato com a Fidati. Nós podemos te ajudar nessa tarefa, com o suporte de consultores experientes e atualizados!